Justiça condena vereador Neizinho, Pastor Aílton e sua Mulher por ‘rachadinha’ na Câmara de Itabira

0

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) condenou o vereador de Itabira, na Região Central de Minas Gerais, Weverton Júlio de Freitas Limões, o Nenzinho (PMN), o diretor administrativo da Câmara Municipal da cidade, Ailton Francisco de Moraes, e a mulher dele, Marilene Cristina Moraes, pela “prática da rachadinha”.

De acordo com denúncia do Ministério Público, entre abril de 2017 e junho deste ano, pelo menos duas pessoas foram obrigadas a entregar parte de seus salários aos réus. Eles foram contratados no gabinete de Nenzinho, então presidente da Casa, por R$ 3,8 mil mensais. A indicação era de Aílton.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui