Maurício Tizumba fecha sede do Tambor Mineiro, mas mantém projeto vivo em BH

0

“Fechei o espaço, mas não fechei o Tambor Mineiro”. Foi com essa frase que o instrumentista, cantor, compositor e ator Maurício Tizumba explicou que decidiu fechar a sede do grupo Tambor Mineiro, localizada há duas décadas no bairro Prado, na região Oeste de Belo Horizonte.

“O Tambor Mineiro existe há 20 anos e tem muita gente boa tocando por esse Brasil e pela Europa. Seria impossível fechar o tambor porque ele transcende o espaço físico”, lembrou o artista.

Tizumba explica que após mais de cinco meses de pandemia, pagando aluguel do espaço e sem arrecadação, já que as portas do local precisaram ficar fechadas nesse período, decidiu manter as oficinas apenas online até que essa situação se normalize.

“O espaço se mantinha através de aulas. Com essa pandemia, esse esquema acabou. Combinei a realização de aulas online com algumas pessoas, mas não temos a mesma adesão que tínhamos lá no galpão, com o calor do tambor. Está difícil para todo mundo, não é mesmo? Resolvi fechar porque as despesas com o espaço eram muito altas. Podia não morrer com a covid-19, mas poderia morrer de dívidas”, brinca o músico.

Agora, Tizumba está aproveitando o tempo de isolamento social para buscar parcerias e encontrar outro espaço para voltar a ministrar suas aulas após a pandemia. “A minha intenção é de encontrar outro espaço e fechar um patrocínio ligado à cultura popular. Se eu encontrar um patrocinador com sensibilidade vai ser ótimo”, afirma o instrumentista.

A ideia é voltar para a região Noroeste da capital, onde Tizumba passou boa parte da vida e tem ligação direta com o congado. “Estou pensando no bairro Aparecida, onde eu nasci, e nessas horas (de pandemia) é bom ficar perto dos nossos”, lembrou.

Os interessados em ajudar a instituição podem entrar em contato com o artista mineiro pelo e-mail para tizumba@tizumba.com.

Por Camila Kiffer/Rádio Itatiaia.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui