Pressão da torcida faz negócio entre Atlético e Thiago Neves ser cancelado

0

O meia Thiago Neves não jogará pelo Atlético. Poucos minutos após a noticiar o acerto entre as duas partes, na noite desta segunda-feira (14), houve uma repercussão negativa por parte da torcida alvinegra e o entendimento de que não haveria clima para o jogador trabalhar no clube.

A rescisão do jogador com o Grêmio foi oficializada também nesta segunda, um pouco mais cedo. O atleta chegou ao tricolor em janeiro deste ano e assinou vínculo de 12 meses, mas não rendeu o esperado. Ele disputou 14 jogos e fez um gol. A decisão de romper o contrato veio devido a uma cláusula que obrigaria o clube a renovar o vínculo com Thiago caso ele atuasse por mais alguns jogos.

Antes, o atleta, de 35 anos, defendeu a Raposa, onde foi bicampeão da Copa do Brasil (2017 e 2018), bicampeão Mineiro (2018 e 2019) e rebaixado para a Série B no ano passado. No clube celeste, onde jogou de 2017 a 2019, ele teve um início promissor, sendo decisivo, e um fim de passagem marcado por problemas. Houve polêmicas também com o Atlético (veja ao fim da matéria).

O jogador também teve polêmicas relacionadas ao Galo. Uma delas foi após o título do Cruzeiro na Copa do Brasil de 2018. No dia seguinte à conquista, ao comemorar com os outros jogadores da Raposa, o meia publicou no Instagram um vídeo em que afirmou: “Ô galinhada, para de chorar.”

Um dia depois, desculpou-se na mesma rede social: “Para a torcida do Atlético peço desculpas porque posso ter exagerado um pouco, mas durante a comemoração recebi várias mensagens que não foram legais, várias mensagens me provocando e acho que com o calor acabei exagerando nas postagens e nos vídeos. Respeito demais o Atlético Mineiro, respeito demais a rivalidade Cruzeiro e Atlético, então foi no calor da comemoração que eu acabei postando isso e vim aqui para pedir desculpas para todos vocês (sic)”.

Brumadinho

Outro episódio foi dez dias após a tragédia em Brumadinho. O meia usou as redes sociais para provocar o Atlético e foi duramente criticado até por torcedores do Cruzeiro. Em uma postagem no Instagram, ele fez alusão ao rompimento da barragem ao publicar a imagem de uma encosta com o escudo alvinegro na Cidade do Galo. Ele se referia ao rebaixamento do clube no Campeonato Brasileiro de 2005.

 

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui