O Atlético anunciará em breve a contratação do meia Thiago Neves, ex-Grêmio, a pedido do técnico Jorge Sampaoli. Ele terá um salário inferior ao que recebia no Sul e assinará contrato até o fim do Campeonato Brasileiro.

A rescisão do jogador com o tricolor gaúcho foi oficializada às 20h desta segunda-feira. Antes, o atleta, de 35 anos, defendeu a Raposa, onde foi bicampeão da Copa do Brasil, em 2017 e 2018, e rebaixado para a Série B no ano passado.

No clube celeste, onde jogou de 2017 a 2019, ele teve um início de passagem promissor, sendo decisivo, e um fim marcado por problemas. No auge da crise celeste no Brasileirão de 2019, o meia foi flagrado em uma festa de pagode no Mineirão. Na ocasião, ele tratava de um edema na coxa esquerda. Devido ao episódio, o jogador foi afastado pelo então gestor de futebol, Zezé Perrella, e não participou das últimas três partidas do Cruzeiro na competição.

Antes, houve o vazamento de um áudio em que ele perguntou a Perrella se seria possível o pagamento de parte dos salários que estavam atrasados. O clube devia aos atletas dois meses e meio de vencimentos. Houve repercussão negativa para o jogador.

Teve também a reclamação via imprensa da escalação do time pelo ex-técnico celeste Rogério Ceni após um jogo; uma cobrança pública de responsabilidade de jogadores contratados no meio da temporada; e a afirmação de que estava atuando com dores, o que, segundo Abel Braga, o surpreendeu.

Pela Raposa, o atleta disputou 151 partidas e marcou 41 gols. Pelo Grêmio, foram 14 jogos e uma bola na rede.

Fonte:Itatiaia

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui